É… Digamos que não foi tão fácil quanto eu queria acreditar que seria. Já estou em Campo Grande há mais ou menos duas semanas, nada de escrever sobre viagem, e olha que até tentei colocar título e descrição em algumas das últimas fotos, mas simplesmente tá difícil! Sinto falta de rotina… Dormir até a hora que eu quero e não ter nada pra fazer me deixa livre demais… Não consigo criar disciplina pra fazer as coisas que quero. Tem aquela esperançazinha que quando eu começar a trabalhar, de alguma forma melhore. Enfim. Mas estou me esforçando. Uma meta que impus a mim mesmo é terminar o conjunto da Rússia antes de ir pra Campinas, no próximo sábado. Por agora estou me divertindo aqui, escolhendo algumas fotos para mandar imprimir e botar em alguma parede da nova casa… E, de quebra, lembrando de momentos preciosos vividos com pessoas queridas nos últimos meses… =)

E é bom estar aqui, na minha terra (Brasil), na terra que eu nasci (Campo Grande)… Não por nada especial, mas o simples fato de estar aqui me faz tão bem… Aliás, mudando de assunto, ainda não conhecia a Bel, a cachorra (da minha irmã) mais carente do Brasil (talvez eu esteja exagerando “um pouco”)… Labradora de quase 10 meses de idade, mais parece um demônio da Tazmania. Tudo o que encosta é destruído, exceto as coisas de metal e talvez outros materiais parecidos. Mas ao mesmo tempo é toda brincalhona e carente. Quando estou no computador, ela vem a cada 2 ou 3 minutos e pula na janela, pedindo carinho… Enfim. E estou mudando de casa, não sei se todos sabem. Vamos dividir em 5: eu, o Helder, o Pietro e as duas irmãs dele, é uma casa gigante pertinho do CCAA, com 4 quartos grandes e edícula, sala de estar e cozinha gigantes, quintal na frente e atrás… Perfeita pra festas, com mais espaço pra acolher com mais conforto os amigos… Estou bem empolgado e doido pra mudar logo… =) Bom. Vamos ver se nos próximos dias eu crio coragem pra escrever sobre a viagem…

.

Yeah… We can say it wasn’t as easy as I wanted to believe it would be. I’ve been in Campo Grande for almost 2 weeks now, and no writing about the trip, I even tried to write titles and descriptions to some pictures, but it’s hard! I miss a bit of routine… Sleeping until when I feel like and having nothing to do leaves me too free… I can’t manage to have discipline to do the things I want to. There is some hope that, when I start to work, somehow things get better. Whatever. But I’m making some effort. Something I want to do before going to Campinas (next Saturday) is to finish at least the set of pictures in Russia. In the meantime I’m having fun here, choosing some pictures to print and put on some wall in the new house… And at the same time, remembering precious moments lived with dear people in the last few months… =)

It’s good to be here, in my land (Brasil), in the place where I was born (Campo Grande)… Not for anything special, but the simple fact of being here makes me feel good… Changing subject a little, I still didn’t know Bel, my sister’s dog, a 10-month labrador, she reminds a bit the devil from Tazmania. Everything she touches, she destroys, except for maybe some metal stuff. But at the same time she is very cute and likes to play a lot. When I’m at the computer, she comes every 2 or 3 minutes and jumps on the window, asking for a bit of attention… Whatever. I’m moving to a new house, I don’t know if everybody knows already. We’re gonna share between 5 people: me, Helder (my brother), Pietro (friend from university) and his 2 sisters. It’s a huge house, with 4 big bedrooms, giant living room and kitchen, back and front yard… Perfect for parties, with more space to welcome with more comfort the friends… I’m very excited and I can’t wait to move the stuff as soon as possible… =) Well, let’s see if I manage to write a bit about the trip in the next few days… =)